sábado, 11 de outubro de 2008

Descoberta do mundo

Viajamos com o silêncio que à muito vinhamos desejando.Encontramo-nos.



"E percorro países como esqueço palavras.
E atravesso rios como desprezo leis.
E pairo nas alturas com as costas voltadas aos séculos de pasmo que para trás deixei...
É a hora em que a terra não gira,
Em que o vento não corre.
É o tempo do homem descobrir o mundo."

in "Viagem", José Carlos Ary dos Santos

2 comentários:

cada vez mais perto da liberdade disse...

O silêncio .
É MUITO BELO O SILÊNCIO E O SEU SOM
é uma das minhas fontes de energia preferidas.

Mando um grande Beijo Apertado para a minha querida Mafaldinha e um grande Abraço para ti Nor.
Ana

Paula disse...

Desculpa lá, ó camarada, mas falta aqui qualquer coisa: uma foto, uma prova desse bar famoso onde te revigoras no fim de cada viagem, de onde só recebo mensagens estranhas e aliciantes, mas que ainda não vi, nem sei onde é, mas onde se deve estar muito bem. Não me digas que não tiraste foto nenhuma do dito? Nem a entrada??!!
Calhando terei que te acompanhar na próxima (como se alguma vez tivesse coragem ou capacidade...)